329-logo-blog-sticky
  • ATIVIDADE ACADÉMICA
    VER PÁGINA

Doenças Oculares / 67 posts encontrados

Uveíte tem cura? Conheça a resposta neste artigo!

A uveíte é originada através de uma inflamação intraocular que afeta a úvea, a zona do olho composta pela íris, pelo corpo ciliar e pela coróide. Com diferentes níveis de gravidade, a uveíte tem cura, mas requer uma avaliação prévia que seja capaz de identificar a verdadeira origem da inflamação. Porém, vale a pena sublinhar que nos casos mais graves, a uveíte pode provocar catarata, glaucoma, perda progressiva da visão e cegueira.

Tenho um derrame no olho! O que devo fazer? Confira agora!

Se você tem um derrame no olho, então leia este artigo com atenção. Um derrame ocular consiste no aparecimento de sangue provocado pelo rompimento de pequenos vasos sanguíneos localizados na conjuntiva ou, não sendo por vezes facilmente observado, o sangue está localizado no interior do globo ocular nomeadamente na cavidade vítrea ou na câmara anterior. É desta forma que habitualmente é caracterizada como um derrame no olho.

É verdade que existem doenças oculares que provocam dor de cabeça?

Milhões de pessoas sofrem todos os dias de dores de cabeça, embora a maioria das vezes nem sequer sabem por que razão isso acontece. Encontrar uma solução para esse sofrimento representa uma melhoria significativa da qualidade de vida. E alguns problemas de visão são muitas vezes a causa das cefaleias. Por essa razão, hoje fiz uma lista sobre as doenças oculares mais comuns que podem provocar enxaquecas ou simples dor de cabeça.

Dicas de Saúde Ocular: tem sensação de areia nos olhos?

Alguma vez acordou com sensação de areia nos olhos? Se sim, saiba desde já que este é um sintoma comum. Habitualmente, nessa situação, os olhos lacrimejam também, dando vontade de coçar, chegando a provocar desconforto e dor. Contudo, se lhe acontece com frequência, então deverá ter em conta que pode existir um corpo estranho ou um problema ocular mais sério. Leia mais neste artigo sobre este assunto para tirar todas as suas dúvidas.

Já começou a fazer o seu Detox Digital? Descubra as vantagens!

Se já ouviu falar da regra dos 20-20-20, agora temos uma nova norma para apresentar: 30/30/30. Mas desta vez não falamos de pausas! Neste artigo explico em detalhe por que razão somente deve usar tudo o que é digital durante uma hora e meia por dia. Entenda os benefícios o Detox Digital e comece hoje mesmo!

Proteja a sua visão e garanta boa qualidade de Vida

Para que a saúde visual possa ser assegurada é necessário que as pessoas sigam as recomendações dos médicos oftalmologistas, os profissionais responsáveis pela identificação das patologias oculares e o seu tratamento médico e cirúrgico atempado. Por isso mesmo, neste artigo enuncio alguns dos principais problemas e cuidados aos quais qualquer pessoa deve estar atenta. Confira!

Fadiga Ocular? Saiba agora quem são os culpados!

A fadiga visual digital é um problema que cada vez mais a população em Portugal, devido à crescente utilização de dispositivos digitais, constitui um dos riscos laborais mais frequentes do século XXI. Esta síndrome começou a ser diagnosticada quando os computadores pessoais se tornaram mais comuns, mas depressa se estendeu a outros tipos de aparelhos.

Tratamento de Queratocone: opções terapêuticas em 10 anos de follow-up

Neste artigo científico os autores descrevem o caso de um doente de 25 anos diagnosticado com Queratocone bilateral em 2002. Discute-se a evolução clínica, topográfica, tomográfica e biomecânica da córnea e as diferentes opções terapêuticas de acordo com a evolução da doença ao longo de 10 anos de seguimento. O interesse do caso reside no facto de nele terem sido sucessivamente utilizadas diversas modalidades terapêuticas atualmente disponíveis.

Análise da Evolução da Densidade Óptica do Pigmento macular com a Idade

O pigmento macular (PM) é formado pelos carotenóides luteína e zeaxantina. Visto que estas moléculas não são sintetizados pelo organismo, a sua obtenção é feita exclusivamente através de fontes alimentares, nomeadamente pela ingestão de gema de ovo e de frutos e vegetais de folhas verdes e cores variadas. Confira esta Análise da Evolução da Densidade Óptica do Pigmento macular com a Idade.

Nevrite Óptica por Sífilis: Análise de Um Caso Clínico

A sífilis consiste numa infecção sistémica provocada pela espiroqueta Treponema pallidum. Apelidada de “grande imitadora”, pode afectar todas as estruturas oculares. As manifestações oftalmológicas podem surgir nos estádios secundário e terciário, sendo a uveíte a alteração mais comum. Saiba mais neste caso clínico de nevrite óptica por sífilis.