329-logo-blog-sticky
PÁGINA 404
Por alguma razão, a página que procurava não está disponível. Pode regressar à Home do blog, ou ler imediatamente algum dos nossos posts.

Fadiga Ocular? Saiba agora quem são os culpados!

A fadiga visual digital é um problema que cada vez mais a população em Portugal, devido à crescente utilização de dispositivos digitais, constitui um dos riscos laborais mais frequentes do século XXI. Esta síndrome começou a ser diagnosticada quando os computadores pessoais se tornaram mais comuns, mas depressa se estendeu a outros tipos de aparelhos.

Estudos revelam que é possível identificar Doença de Alzheimer através de OCT-A

Através de resultados obtidos com recurso à angiotomografia de coerência ótica vários investigadores da Duke University, localizada nos EUA, revelaram que alterações estatisticamente significativas podem ser identificadas nas retinas de pacientes com Alzheimer. Esta novidade foi divulgada num estudo recente, publicado na revista Ophthalmology Retina e, devido ao seu elevado valor científico, merece atenção, pois é de facto uma descoberta entusiasmante.

Tratamento de Queratocone: opções terapêuticas em 10 anos de follow-up

Neste artigo científico os autores descrevem o caso de um doente de 25 anos diagnosticado com Queratocone bilateral em 2002. Discute-se a evolução clínica, topográfica, tomográfica e biomecânica da córnea e as diferentes opções terapêuticas de acordo com a evolução da doença ao longo de 10 anos de seguimento. O interesse do caso reside no facto de nele terem sido sucessivamente utilizadas diversas modalidades terapêuticas atualmente disponíveis.

Análise da Evolução da Densidade Óptica do Pigmento macular com a Idade

O pigmento macular (PM) é formado pelos carotenóides luteína e zeaxantina. Visto que estas moléculas não são sintetizados pelo organismo, a sua obtenção é feita exclusivamente através de fontes alimentares, nomeadamente pela ingestão de gema de ovo e de frutos e vegetais de folhas verdes e cores variadas. Confira esta Análise da Evolução da Densidade Óptica do Pigmento macular com a Idade.

Nevrite Óptica por Sífilis: Análise de Um Caso Clínico

A sífilis consiste numa infecção sistémica provocada pela espiroqueta Treponema pallidum. Apelidada de “grande imitadora”, pode afectar todas as estruturas oculares. As manifestações oftalmológicas podem surgir nos estádios secundário e terciário, sendo a uveíte a alteração mais comum. Saiba mais neste caso clínico de nevrite óptica por sífilis.

Como deve um Oftalmologista comunicar uma má notícia?

Na área da saúde, neste caso da oftalmologia, é fundamental saber interagir com outras pessoas. Os profissionais de saúde têm como uma das bases do seu trabalho as relações humanas, sejam elas com o doente, os seus familiares ou com a equipa multidisciplinar que os acompanha. Este texto visa precisamente responder a algumas questões comuns relacionadas com esta temática. Confira em baixo as minhas respostas para a pergunta formulada no título deste post.

A importância da Psicologia no Centro Integrado de Baixa Visão

Tendo em conta que, de todos os nossos sentidos, a visão é o que nos proporciona mais informação, é de esperar que as pessoas que perdem a visão sofram um grande impacto psicológico. A ajuda psicológica especializada contribui decisivamente para um melhor ajustamento emocional e uma mais rápida recuperação. Confira mais neste post.

Oftalmologia: conheça agora a nova especialidade da Lenitudes

O novo Serviço de Oftalmologia da Lenitudes – Medical Center & Research arrancou no passado dia 15 de Abril. A aposta conjuga a aquisição de equipamentos de alta tecnologia com uma equipa médica de profissionais experientes, conforme atesta Salgado Borges. Saiba mais na entrevista publicada no Jornal N de Santa Maria da Feira (edição do dia 23 de Abril de 2019).

Thermaeye – Luz Pulsada (IPL): Abordagem Inovadora no Tratamento do Doente com Olho Seco

O Thermaeye é o primeiro equipamento desenhado e especialmente produzido para o tratamento dos sintomas do Olho Seco. Este tratamento de luz pulsada de alta frequência (IPL) para aliviar o Olho Seco tem características e funcionalidades únicas. Saiba tudo neste artigo.

Endoret – PRGF: Técnica Inovadora Essencial para Tratar o Olho Seco Grave

Hoje dedico este artigo a explicar quais as principais funcionalidades de uma técnica fulcral para o tratamento da doença do Olho Seco Moderado/Grave. O Endoret - PRGF para além do seu potencial antimicrobiano, promove a proliferação celular e acelera a remodelação tecidular, reduzindo a fibrose e a inflamação.

Hiperosmolaridade do filme lacrimal e Olho Seco – TearLab

Com o desenvolvimento do sistema de osmolaridade com o TearLab é possível disponibilizar-se um pequeno laboratório no consultório ou clínica, permitindo apenas em alguns segundos, identificar um dos mecanismos principais do Síndroma de Olho Seco: a hiperosmolaridade.

Keratograph 5M, um aparelho de sucesso no diagnóstico do olho seco

O Keratograph 5M é um instrumento que possui uma câmara de alta resolução de cor e está equipado com um software “inteligente” que analisa todos os dados captados e conjuga-os por forma a apresentar os seus resultados e conclusões num único documento global. Possibilita comparar resultados e ainda evidenciar o sucesso do tratamento do olho seco.

Como proteger a sua visão? Leia estas dicas agora!

Nos últimos anos tem havido grandes progressos no diagnóstico e tratamento de algumas doenças oculares. Por isso é fundamental que as pessoas comecem a encarar os exames oftalmológicos como parte integrante das avaliações médicas de rotina. Confira estas dicas para entender melhor o que fazer para proteger a sua visão.

A importância do Rastreio da Ambliopia na idade pré-escolar

A ambliopia é uma diminuição da acuidade visual uni ou bilateral, causada pela privação da visão e/ou uma interação binocular anormal. É aceite e proposto por todos os oftalmologistas pediátricos que as crianças devem ser rastreadas a primeira vez durante o primeiro ano de vida, e posteriormente aos 3 anos, e mais tarde aos 5/6 anos de idade antes da entrada para o Ensino Básico.

Patologias oculares: a Prevenção é a melhor solução

O rastreio oftalmológico a crianças pode ajudar a prevenir patologias oculares na idade adulta. A afirmação não oferece dúvidas e, por isso, Salgado Borges participou num projecto em parceria com a Câmara Municipal de Santa Maria da Feira liderado pela Dra. Madalena Monteiro, cujo objetivo consistiu na deteção de fatores passíveis de provocarem graves problemas visuais, como a cegueira e a ambliopia.

Óculos de sol: os cuidados que os olhos nos merecem

São verdadeiros acessórios de moda, mas deviam ser encarados como importantes protectores solares. Os óculos de sol vendem-se às centenas, mas raras são as vezes em que a qualidade da lente funciona como ponderador maior de decisão. Descubra nesta entrevista quais são aqueles que considero os melhores critérios para comprar óculos de sol.

Já conhece o Centro de Baixa Visão na cidade do Porto?

Nos recantos de uma localização preferencial no centro do Porto nasceu em 2018 uma parceria entre saúde visual, alta tecnologia e apoio psicológico que se envolve com base em 3 valores: inclusão, informação e prevenção. Neste artigo recordo a reportagem realizada pela revista Oftalpro sobre este acontecimento.

Combater o desperdício na Saúde em Portugal é essencial

Na sequência do artigo anterior, intitulado Reflexão sobre as dificuldades e oportunidades na Saúde em Portugal, deixo hoje para reflexão de todos, gostaria apenas de referir um exemplo de prioridade assistencial no âmbito da oftalmologia, na minha opinião mal definido, e que obviamente poderá ser transposto para qualquer outra área no âmbito do Serviço Nacional da Saúde (SNS).

Reflexão sobre as dificuldades e oportunidades na Saúde em Portugal

Vivemos hoje um período em que tudo o que se passa à nossa volta parece estar prestes a se desmoronar, caminhando-se a passos largos para o abismo. A Saúde parece não escapar a esse destino. E não poderemos deixar de aproveitar as oportunidades, pelo que será fundamental não as deixar escapar.

Perguntas e Respostas essenciais sobre a Síndrome do Olho Seco

Neste artigo apresento uma lista de perguntas comuns sobre a Síndrome do Olho Seco, assim como as respectivas respostas, de modo a esclarecer as principais dúvidas sobre uma doença ocular cada vez mais presente no quotidiano dos portugueses.

Fadiga visual digital é um dos riscos laborais mais frequentes do século XXI

A fadiga visual digital é um problema que afeta sete em cada 10 portugueses, devido à crescente utilização de dispositivos digitais, constituindo um dos riscos laborais mais frequentes do século XXI. Esta síndrome começou a ser diagnosticada quando os computadores pessoais se tornaram mais comuns.