329-logo-blog-sticky
  • ATIVIDADE ACADÉMICA
    VER PÁGINA

Encontro sobre Alzheimer reuniu especialistas ibéricos em Portugal

A reunião serviu para realçar a importância de uma abordagem multidisciplinar no âmbito das doenças degenerativas e para estreitar os laços de colaboração e partilha de conhecimentos entre especialidades e clínicos/investigadores dos dois países ibéricos.

Home Clinsborges
 

Realizado a 8 de julho, no auditório do Lenitudes Medical Center & Research em Santa Maria da Feira, o “Encontro sobre Abordagem da Doença de Alzheimer em 2020” contou com mais de 60 participantes, na sua maioria prestadores de cuidados na área da saúde.

A reunião teve como objetivo dar a conhecer novos métodos para a detecção precoce na doença de Alzheimer e mostrar a importância de uma abordagem multidisciplinar no âmbito das patologias degenerativas.

A anteceder a sessão científica foi realizada uma visita à Unidade Lenitudes coordenada pela diretora clínica, Ana Castro, reconhecida médica oncologista e acompanhada pelos responsáveis das diferentes áreas do centro. O Lenitudes – Medical Center & Research surgiu direcionado ao diagnóstico e tratamento de patologias tumorais e oncológicas. Dispõe de capacidades de diagnóstico tecnologicamente diferenciadas com equipamentos avançados, seja para exames de imagiologia seja para medicina molecular e tratamentos de radioterapia.

Tem vindo a crescer em diferentes áreas e, a partir deste ano, tem em vista o crescimento com diversas especialidades, não só na área da oncologia, mas também na relacionada com a degenerescência e o envelhecimento.

Uma vez que a medicina se faz em equipa, o Lenitudes engloba outros serviços clínicos, como a oftalmologia, cardiologia, a neurologia, a ginecologia, a urologia e a otorrinolaringologia, bem como outras especialidades cirúrgicas, sempre procurando agregar equipas médicas de excelência.

Enquanto Coordenador do Serviço de Oftalmologia na empresa Lenitudes – Medical Center & Research considero que, “no que diz respeito à oftalmologia, contamos com uma equipa clínica e de investigação de reconhecido valor. Tendo em conta o crescente envelhecimento populacional, patologias tais como o glaucoma, a degenerescência macular relacionada com a idade, a catarata e a retinopatia diabética, entre outras, poderão ser diagnosticadas e tratadas nesta unidade, dotada da mais elevada tecnologia. Temos também colegas vocacionados para a neuro-oftalmologia e oftalmologia pediátrica”.

Detalhes sobre a Sessão científica no Encontro sobre Alzheimer

A diretora clínica Ana Castro inaugurou a sessão científica começando por agradecer a presença das entidades oficiais, tendo realçado Mário Pinto, em representação da Presidência da República; os representantes autárquicos, Virgínia Cavaco, presidente do voluntariado do Hospital S. Sebastião; Miralda Ribeiro, presidente do Lions de Santa Maria da Feira; Eduardo Cavaco, administrador da Feira Viva; os convidados espanhóis da Universidade Complutense de Madrid; para além de todos os profissionais da área da saúde ali presentes e colaboradores da unidade Lenitudes.

Seguiram-se as intervenções de Mário Pinto e de Vítor Tedim Cruz, coordenador da especialidade de neurologia da Lenitudes e referência nacional no âmbito das doenças degenerativas neurológicas, nomeadamente o Alzheimer.

Foi unânime o realce da importância de uma abordagem multidisciplinar para o sucesso do diagnóstico e tratamento desta e de outras doenças degenerativas.

Pela minha parte comecei por agradecer a presença de todos, realçando a excelência da equipa de clínicos e investigadores da Universidade Complutense que, indo participar numa reunião internacional no Porto, anteciparam a sua vinda para partilhar os seus conhecimentos com os colegas de Portugal.

Seguidamente continuei informando que “o novo Serviço de Oftalmologia iniciou há cerca de dois meses a sua atividade clínica. Está apetrechado para um desempenho de uma oftalmologia moderna e de qualidade, onde as doenças degenerativas terão um papel preponderante. Já tivemos diversas ações das que realço um rastreio oftalmológico realizado nos concelhos de Santa Maria da Feira: Espinho e Ovar. Também, recentemente, procedemos à avaliação oftalmológica de todos os atletas da equipa sénior do Clube Desportivo Feirense”.

A convidada Elena Salobar proferiu a conferência intitulada “Estudio de la función visual y structura de la retina en el diagnóstico precoz y seguimento de la Enfermedad de Alzheimer”. No âmbito da sua tese de doutoramento, é importante entender que aborda um tópico atual, uma doença degenerativa primária com alto impacto no nível funcional, demência de Alzheimer.

No decorrer da sua apresentação realçou as alterações que se produzem na retina, o espelho do cérebro, bem como as alterações funcionais que surgem secundariamente através de exames psicofísicos não invasivos e de tomografia de coerência ótica.

Mostrou estudos com base em duas populações de doentes com Alzheimer, diferenciadas pelo grau de evolução da patologia, em comparação com os resultados de uma população controlo.

A nível experimental demonstrou também, em animais, as alterações anatómicas e bioquímicas produzidas pelo material amilóide que surgem com esta doença. Recentemente, a relevância deste tema culminou numa publicação de um artigo de elevado valor científico, de investigadores da Duke University, nos Estados Unidos da América, na Revista Ophthalmology Retina. Esta revela a possibilidade de identificar a Doença de Alzheimer através de OCT-A (angio-tomografia de coerência ótica).

A reunião serviu assim para realçar a importância de uma abordagem multidisciplinar no âmbito das doenças degenerativas e para estreitar os laços de colaboração e partilha de conhecimentos entre especialidades e clínicos/investigadores dos dois países ibéricos. Em conclusão: a retina como “prolongamento do cérebro” será, “com toda a certeza” num futuro recente, um alvo preferencial no diagnóstico precoce da doença de Alzheimer.

Leia este artigo completo na versão original AQUI NESTE LINK

Share this article

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *